top of page
Buscar
  • Foto do escritorSemana do Pescado

ExpoPesca – Embrapa apresenta potencial de ostras e faz análise de cenários


Photo: Saulo Coelho


A Embrapa Tabuleiros Costeiros (Aracaju, SE) marcou presença na edição de estreia da ExpoPesca Sergipe, de 13 a 15 de outubro no Iate Clube, em Aracaju. A feira foi uma realização da Câmara de Pesca e Aquicultura da Fecomércio, em parceria com o Instituto Fecomércio de Sergipe, e promete se tornar um evento constante para o fortalecimento da pesca e aquicultura no estado. Gestores, pesquisadores e membros do Observatório da Embrapa Tabuleiros Costeiros prestigiaram a feira. O chefe-geral Marcus Cruz integrou a mesa de abertura do evento, na manhã da quinta (13). “A Embrapa vem fortalecendo sua linha de pesquisas em pesca e aquicultura em Sergipe e no Nordeste, e a ExpoPesca chega para viabilizar novas parcerias, apresentar potencialidades e contribuir com os avanços do setor”, afirmou. O pesquisador Jefferson Legat fez a palestra de abertura do evento, apresentando o potencial para cultivo de ostras nativas na Região Nordeste. Oceanólogo de formação, Legat desfez vários mitos e demonstrou que ostras nativas têm enorme potencial produtivo e comercial para Sergipe e o Nordeste. “Se os atores envolvidos se articularem em parcerias bem organizadas – Estado, setor produtivo e instituições de pesquisa – a região tem plenas condições de avançar e se juntar a protagonistas da ostreicultura, como Santa Catarina”, declarou. Durante os três dias da feira, agentes do Observatório da Unidade aplicaram, com apoio de estudantes voluntários da UFS, um questionário para conhecer melhor as demandas por soluções para a aquicultura e pesca em Sergipe, Alagoas e Bahia. O levantamento servirá para nortear a agenda de pesquisas e construção de parcerias com foco bem definido. O questionário segue disponível para respostas neste link. O objetivo é conhecer melhor as demandas, gargalos e potencialidades da cadeia produtiva da pesca e aquicultura na região, com foco no desenvolvimento de soluções tecnológicas sustentáveis e de impacto efetivo para a cadeia do pescado nos estados. O diretor de Aquicultura da Secretaria de Aquicultura e Pesca do Ministério da Agricultura, Maurício Pessoa, participou do evento, e aproveitou a oportunidade ara visitar as instalações do Laboratório de Pesquisa e Inovação em Maricultura (Lapimar), em construção na sede da Embrapa Tabuleiros Costeiros, em Aracaju. Para o diretor, quando as obras forem concluídas, o Lapimar será um importante polo de geração de tecnologias para a aquicultura marinha no Nordeste e no Brasil. De acordo com os organizadores, mais de 300 participantes do Nordeste e outras regiões visitaram o evento. A Expopesca contou com palestras de especialistas de instituições como UFS, UFAL e Sebrae, além de painéis e rodada de negócios. O evento foi desenhado para atender todos os públicos que procuram por insumos, máquinas, equipamentos, tecnologias, instituições de crédito e as associações dos 75 municípios do estado de Sergipe que buscam por canais de distribuição e parcerias para o negócio. Para o coordenador do evento, o armador Humberto Eng, que preside a Câmara de Pesca e Aquicultura, aExpoPesca pretende ser uma importante ferramenta para o setor pesqueiro e os diversos setores econômicos. “Estou certo de que atingimos os vários objetivos do evento – o fortalecimento da cadeia produtiva e atender às demandas dos produtores, oportunizar o envolvimento também dos estados das Alagoas e da Bahia, estimular os investimentos para o setor, novas tecnologias, de insumos, distribuição dos produtos, varejo e o desenvolver de políticas públicas de fomento a produção, a pesquisa, a distribuição e de criar canais de acesso, incentivos fiscais com o propósito de provocar o aumento da cadeia da pesca e da aquicultura em âmbito nacional”, avaliou. Além da Fecomércio Sergipe, a ExpoPesca contou com a parceria e o apoio do Banco do Nordeste (BNB), da Eneva, da Secretaria de Estado da Agricultura e Desenvolvimento Rural do Sergipe (Seagri-SE), Sistema Faese/Senar, Federação das Indústrias do Estado de Sergipe (FIES), Instituto Evaldo Lodi (IEL-SE), Universidade Federal de Sergipe, Multseg, Prefeitura Municipal de Indiaroba, Sistema Fecomércio/Sesc/Senac de Alagoas e Universidade Federal de Alagoas (UFAL). *Com informações da Ascom/Fecomércio-SE - Márcio Rocha


Saulo Coelho (MTb/SE 1065) Embrapa Tabuleiros Costeiros Press inquiries tabuleiros-costeiros.imprensa@embrapa.br Phone number: (79) 4009-1381


1 visualização0 comentário

Comments


bottom of page