top of page
Buscar
  • Foto do escritorSemana do Pescado

Presidente Lula entrega o Prêmio Mulheres das Águas

Durante o evento, o presidente Lula, o ministro André de Paula e as ministras presentes puderam prestar homenagens às mulheres, reconhecendo e valorizando o importante trabalho delas no setor pesqueiro e aquícola



A cerimônia de entrega do Prêmio Mulheres das Águas reuniu em Brasília - DF as sete ganhadoras que foram homenageadas pelo Ministério da Pesca e Aquicultura (MPA) por suas trajetórias de impacto no setor pesqueiro e aquícola. O evento contou com a presença do presidente Lula, da primeira-dama Janja Lula, do ministro da Pesca e Aquicultura, André de Paula, da ministra das Mulheres, Cida Gonçalves, da ministra da Saúde Nísia Trindade, da ministra dos Povos Indígenas, Sonia Guajajara, da ministra da Cultura, Margareth Menezes e da ministra do Meio Ambiente, Marina Silva.


A pescadora Lilian Gonçalves, ganhadora do prêmio na categoria “Pesca Artesanal em Águas Continentais”, falou pelas premiadas: “Esse prêmio nos encoraja e nos mostra que somos capazes de alcançar o que queremos. As mulheres podem estar em todos os lugares e atividades, podemos participar das políticas públicas. Estamos muito honradas por estar aqui hoje, vendo nossos trabalhos serem reconhecidos!


Para a ministra das mulheres, Cida Gonçalves, “É necessário trazer as mulheres da pesca e aquicultura para um debate constante e permanente no Ministério das Mulheres”. Durante o evento, foi assinado um protocolo de intenções entre o MPA e o Ministério da Saúde, que consolida a parceria interministerial em prol da saúde das mulheres das águas em sua atividade.


Ministra Nísia Trindade e Ministro André de Paula


O ministro André de Paula reforçou a importância da recriação do MPA, que empodera e dá voz ao setor, “O ministério abre interlocução direta entre o governo e as necessidades do setor em um país com extenso litoral e as maiores reservas de água doce, por isso, precisamos oferecer a esse setor o prestígio, centralidade e potencial reconhecidos mundialmente”. Em seu discurso de homenagem às mulheres, André de Paula destacou o empenho e dedicação das ganhadoras que têm suas histórias de vida conectadas às atividades das águas:


Com o reconhecimento e homenagem à cada uma das ganhadoras dessa primeira edição do prêmio, queremos que essas mulheres se tornem exemplos e que suas vozes sejam ouvidas nas próximas gerações! Que possamos seguir impulsionando, fortalecendo e homenageando mais mulheres das águas, suas vozes não serão caladas. Seus exemplos, vidas, lutas e bandeiras tem de ser contados todas as vezes em que se falar da história da pesca e aquicultura brasileiras”.


O presidente Lula parabenizou o MPA pelo Prêmio e frisou sobre a relevância da homenagem às mulheres, “É a primeira vez em todos os meus anos de governo em que participo de uma premiação para as mulheres das águas. Essa novidade é extraordinária pois valoriza o feito de cada uma em sua atividade, em sua região. Nós queremos que o Brasil seja uma nação em que a pesca seja parte fundamental em nossa atividade econômica. Ao premiarmos essas mulheres, somos presenteados por ouvir tantas histórias emocionantes e inspiradoras, e é por isso que essa noite tem um brilho especial, por falarmos de um tema que é fonte de tanta vitalidade: a relação entre as mulheres e as águas!



Durante a premiação, também foram homenageadas com menções honrosas mais mulheres com trajetórias de destaque na atividade.




2 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page